10.ª Vitória coletiva consecutiva da ASFIC

ASFIC

A ASFIC Grupo Parapedra / Dinazoo / Riomagic apresentou-se neste circuito com os ciclistas João Portela, Humberto Careca, Jorge Letras, João Letras, Edgar Oliveira, Calos Ochoa, Diogo Sampaio, Daniel Ferreira e Alexandre Mota.

O circuito foi composto por 10 voltas de 9,3 km, perfazendo um total de 93 km e participaram na prova, mais de 100 atletas de várias equipas, de norte a sul do País.

A ASFIC entrou na corrida com a ambição de discutir a vitória, mas a forte vontade de vencer da equipa da casa e alguns azares da ASFIC, levou a corrida a ser sempre controlada pela equipa da casa, que perante o seu público e com o apoio do mesmo, foram os mais fortes na corrida.

A corrida viria a ser discutida ao sprint com a equipa da casa a ser a mais forte e a vencer, cortando João Letras a meta em 3.º Lugar, Jorge Letras em 6.º Lugar e Humberto Careca em 11.º lugar.

Com a excelente classificação dos seus atletas, a ASFIC alcançou o 1.º lugar por equipas.

A vitória por equipas é sempre o prémio do entendimento entre os atletas, que unidos alcançam o lugar mais alto do pódio.

A ASFIC cedo se viu sem o seu líder da equipa, João Portela abandonou a corrida devido a uma lesão que já o afeta a várias semanas. Daniel Ferreira também abandonou a corrida por avaria mecânica na sua bicicleta e João Letras, embora com a bicicleta com um ligeiro problema mecânico conseguiu acabar a corrida com a discussão pela vitória.

A ASFIC embora tenha esta época obtido excelentes resultados desportivos, não tem conseguido estar na sua máxima força, pois vários atletas têm sofrido lesões ou acidentes. Aníbal santo ainda não correu este ano por problemas na coluna. Ricardo Gonçalves sofreu um acidente de viação quando treinava e fraturou uma clavícula, tendo sido posteriormente operado, encontrando-se a recuperar.  Daniel Ferreira sofreu um acidente na prova de Marvão, da qual resultou um dedo partido, o que também o afastou de algumas corridas. João Portela está com uma lesão no joelho, que levou a sua paragem no inicio do mês, que o impede de treinar e vai forçar a sua paragem por tempo indeterminado.

Até ao final da época ainda faltam cerca de 6 provas, a equipa mesmo não indo estar na máxima força, e sem o seu líder, promete lutar pela vitória em todas as corridas.

Imprimir Email

ASFIC RIBEIRA DE SÃO JOÃO
Equipa de Ciclismo
Grupo Parapedra / Dinazoo / Riomagic

Siga-nos